sábado, julho 20, 2024
HomeDestaquesGisela compõe bancada que discutirá protagonismo feminino com 20 paises na 1ª...

Gisela compõe bancada que discutirá protagonismo feminino com 20 paises na 1ª Reunião de Mulheres Parlamentares em Maceió

O encontro vai reunir mulheres do parlamento de vários países incluídos no G20

A deputada federal e presidente do diretório do União Brasil, em Cuiabá, Gisela Simona (União Brasil) participa da 1ª Reunião de Mulheres Parlamentares do P-20 que acontece 1 e 2 de julho, em Maceió. O P-20 é um grupo integrante do famoso G-20, criado em 1999 e formado por ministros de finanças e chefe de bancos centrais de nações desenvolvidas, emergentes e, igualmente, pela União Europeia, que se reúnem para buscar soluções que garantam estabilidade à economia global.

Já o Parlamento 20 (P-20), criado em 2010, é liderado pelos presidentes dos parlamentos dos países-membros. E este ano, de forma inédita, dá protagonismo às mulheres, ao debater política a partir da articulação das diversidades nacionais e intercontinentais, tendo estas parlamentares como centro das atenções. Ao reunir presidentes e representantes de Câmaras, Senados e Assembleias Nacionais das maiores potências mundiais, especialmente, de suas bancadas femininas.

“Desde 1999, o mundo tem a presença do G-20. São ministros de finanças, chefe de bancos centrais, das 20 maiores economias do mundo que se reúnem para buscar soluções para a economia global, como um todo. E desde 2010, surgiu o chamado P-20, paralelamente, ao poderoso Grupo dos 20. São parlamentares destas nações que, igualmente, se reúnem para entender e colocar em prática, como cada Parlamento pode contribuir com propostas e decisões que, de fato, beneficiem estes países. E de uma forma inédita, agora em 2024, acontece a primeira reunião de mulheres parlamentares do P-20. Ou seja, deputadas e senadoras de cada um destes países-membros que vão estar reunidas, para que possamos debater como podemos participar, em nível de resultados práticos, dessa solução econômica em nível global”, celebrou a deputada federal Gisela Simona.

A deputada federal mato-grossense ainda frisa que devido à participação do Brasil no G-20 e no grupo dos parlamentos internacionais, o país teve o privilégio de ser escolhido para sediar a primeira reunião que ocorrerá em Maceió. Até agora são 33 delegações estrangeiras confirmadas, com cerca de 120 integrantes, além de 42 parlamentares brasileiras nesse encontro internacional na capital alagoana.

Com o lema ‘Construindo um mundo justo e um planeta sustentável’, as mulheres parlamentares das nações integrantes do G-20 e dos países convidados irão debater os temas prioritários da cúpula deste ano: mudança do clima e desenvolvimento sustentável; inclusão social e combate à fome e à pobreza; e reforma das instituições globais.

“Teremos temas específicos, no sentido de buscar o papel das mulheres na justiça climática e na sustentabilidade ambiental. Porque vejam que o tema do Meio Ambiente hoje está na pauta central de todos os países e temos que ver qual é o papel das mulheres nisso. Também vamos discutir o incremento da participação política das mulheres para o fortalecimento da democracia. Discutindo, como, na verdade, é essa participação das mulheres para chegarem até o Parlamento em cada país. Igualmente, trocar experiência para que a gente possa aprender com eles, e também dar a nossa experiência como contribuição para o aumento dessa participação das mulheres na política”, reforça Gisela.

Ainda para Gisela, esta é uma ação extremamente importante, porque reúne mulheres parlamentares de várias potências mundiais, tornando esta pluralidade em um debate riquíssimo, pois insere à pauta feminina, novos significados na política mundial.

Na semana passada, em Brasília, Gisela participou junto de outras parlamentares da Bancada Feminina, de reunião com o presidente da Câmara, Arthur Lira(PP), para traçar pontos relevantes que serão discutidos na 1ª Reunião de Mulheres Parlamentares do P-20. Ao inserir nas discussões a promoção da igualdade entre homens e mulheres e ainda a questão da superação do racismo. Lira assumiu o comando do P-20, em outubro de 2023. Ele recebeu o cargo do presidente da Câmara dos Deputados da Índia, Om Birla.

“Ainda vamos discutir, claro, sobre a igualdade entre homens e mulheres em cada um dos países-membros. Sobre a questão da autonomia econômica das mulheres e como o parlamento destas nações podem contribuir para que elas tenham essa autonomia econômica. Eu como membro da bancada negra e feminina na Câmara vejo esta reunião como um marco histórico. Um momento absolutamente oportuno para que a gente possa ajudar a elaborar soluções, para superar desafios por meio do intercâmbio de ideias, já que teremos mulheres de 20 nações. Uma reunião, inequivocamente, de extrema importância para Mato Grosso e para o Brasil”, finaliza Gisela.

Assessoria

Quem leu, leu também...
sábado, julho 20, 2024
Propaganda

Populares